::Essência Feminina::

::Ana Flora::

Brasil, Sudeste, Mulher
Poesia e Arte












Compasso
Ângela Rô Rô









02 de Junho de 2009
5 anos de Essência Feminina























::Poesia e Arte::
.::Academia Brasileira de Letras::.
.::Adélia Prado::.
.::Alice Ruiz::.
.::ArtePauBrasil - Livraria Virtual::.
.::Biblioteca Folha::.
.::Bolacha Ilustrada::.
.::Caixa de hai-kai::.
.::Caros Amigos::.
.::Carteiro::.
.::Casa de Cultura Mário Quintana::.
.::Cecília Meireles::.
.::Cecília Meireles::.
.::Clarice Lispector::.
.::Cora Coralina::.
.::Cravo Albin - Dicionário da MPB::.
.::Cultura em Tópicos::.
.::Darcy Ribeiro::.
.::Drummond::.
.::Drummond::.
.::Elisa Lucinda::.
.::Faxina Cultural::.
.::Fernando Pessoa::.
.::Ferreira Gullar::.
.::Guia da Poesia::.
.::Hilda Hilst::.
.::Jornal da Poesia::.
.::Literatura online::.
.::Manoel de Barros::.
.::Manoel de Barros::.
.::Manuel Bandeira::.
.::Mário Quintana::.
.::Mulheres na Literatura::.
.::Mulheres que amo - Poesia::.
.::Pablo Neruda::.
.::Palavrarte::.
.::Poesia Erótica::.
.::Poesias escolhidas::.
.::Pop Box Poesias
.::Projeto Releituras::.
.::Releituras - Diversos autores::.
.::Sebos::.
.::Songs and Poems::.
.::Thiago de Mello::.
.::Umas e Outras::.
.::Um outro olhar::.
.::Vários sites: Guia de Portais Poéticos::.
.::Veja Noite - São Paulo::.




::Essências Passadas::
01/06/2009 a 30/06/2009
01/03/2009 a 31/03/2009
01/01/2009 a 31/01/2009
01/09/2008 a 30/09/2008
01/08/2008 a 31/08/2008
01/05/2008 a 31/05/2008
01/04/2008 a 30/04/2008
01/03/2008 a 31/03/2008
01/02/2008 a 29/02/2008
01/12/2007 a 31/12/2007
01/11/2007 a 30/11/2007
01/10/2007 a 31/10/2007
01/09/2007 a 30/09/2007
01/08/2007 a 31/08/2007
01/07/2007 a 31/07/2007
01/06/2007 a 30/06/2007
01/05/2007 a 31/05/2007
01/04/2007 a 30/04/2007
01/03/2007 a 31/03/2007
01/02/2007 a 28/02/2007
01/01/2007 a 31/01/2007
01/12/2006 a 31/12/2006
01/11/2006 a 30/11/2006
01/10/2006 a 31/10/2006
01/09/2006 a 30/09/2006
01/07/2006 a 31/07/2006
01/05/2006 a 31/05/2006
01/04/2006 a 30/04/2006
01/03/2006 a 31/03/2006
01/02/2006 a 28/02/2006
01/01/2006 a 31/01/2006
01/12/2005 a 31/12/2005
01/11/2005 a 30/11/2005
01/10/2005 a 31/10/2005
01/09/2005 a 30/09/2005
01/08/2005 a 31/08/2005
01/07/2005 a 31/07/2005
01/06/2005 a 30/06/2005
01/05/2005 a 31/05/2005
01/04/2005 a 30/04/2005
01/03/2005 a 31/03/2005
01/02/2005 a 28/02/2005
01/01/2005 a 31/01/2005
01/12/2004 a 31/12/2004
01/11/2004 a 30/11/2004
01/10/2004 a 31/10/2004
01/09/2004 a 30/09/2004
01/08/2004 a 31/08/2004
01/07/2004 a 31/07/2004
01/06/2004 a 30/06/2004





Em flor
Livro de visitas


beija-flor(es) deleitando-se



Afinidade
Conheça meu fotoblog!

::Créditos::





::Avalie a Fragrância::

Dê uma nota para meu blog


Vote na enquete







 

::Inebriaram-se::



Martha Medeiros

Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos, um livro mais ou menos.

Tudo perda de tempo.

Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo.

O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia.



Semeado por Ana Flora às 12h12
[] [envie esta flor]




Ousadia

Martha Medeiros

Trabalhe como se você não precisasse do dinheiro,
ame como se você nunca tivesse sido magoado
e dance como se ninguém estivesse te observando.

O maior risco da vida é não fazer NADA.



Semeado por Ana Flora às 12h08
[] [envie esta flor]




Divã

Martha Medeiros

Desaprender para aprender. 

Deletar para escrever em cima.

Houve um tempo em que eu pensava que, para isso, seria preciso nascer de novo, mas hoje sei que dá pra renascer várias vezes nesta mesma vida.

Basta desaprender o receio de mudar.



Semeado por Ana Flora às 12h04
[] [envie esta flor]




Sagrado

Martha Medeiros

Mantenha-se atrás da faixa amarela,
não chegue muito perto,
não acerque-se de meus traumas,
não invada meus mistérios,
não atrite-se com o meu passado,
não tente entender nada:
é proibido tocar no sagrado de cada um.



Semeado por Ana Flora às 12h32
[] [envie esta flor]




Brilho

Martin Luther King

 

Mesmo as noites
totalmente sem estrelas
podem anunciar
a aurora
de uma grande realização



Semeado por Ana Flora às 18h31
[] [envie esta flor]